Sexta-feira, 10 de Julho de 2009

Das manadas

Um dos mais observados - e tristes, diga-se de passagem - comportamentos de grupo é a legitimação por via d' "o pessoal". Funciona assim: se  "o pessoal" diz todo que alguém é [preencher com classificativo conveniente], eh pá, então... é porque é!

Buraco tapado por Citadina às 13:59
Link do post | Tapa também
6 comentários:
De Opinião Própria a 10 de Julho de 2009 às 19:56
O pessoal é parvo...
De Citadina a 13 de Julho de 2009 às 12:13
Mais parvo é quem renuncia a pensar pela sua cabeça com medo que isso vá contra a opinião d' "o pessoal".
De Cosmopolita a 13 de Julho de 2009 às 17:43
Nunca fui pessoa de grupos, nem mesmo na infância ou adolescência. Muito menos de fazer ou dar ouvidos ao que estes ou os seus líderes diziam ou faziam. E sempre vivi bem com isso, por mais que me tentassem ridicularizar ou criticar. Não temos forçosamente de ser amados ou gostados por todos.
De Citadina a 13 de Julho de 2009 às 17:48
Nem sequer pela maior parte. Principalmente quando essa "maioria" está cega por boatos, preconceitos ou intrigas. Ou simplesmente por demência colectiva, também já vi acontecer.
De estrelaminha a 14 de Julho de 2009 às 17:27
boa tarde!
isso das maiorias ou minorias, tem muito que se lhe diga...
vou pelos valores que sempre me regi na minha vida.
tem uma boa semana!
beijos das duas para as duas
De Citadina a 14 de Julho de 2009 às 18:05
Obrigada e beijinhos também!

Comentar post

Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
25
26
27

Posts por autora

Pesquisa no blog

Subscrever feeds

Outras ruas

Arquivo

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Tags

a vida dos outros(31)

açores e madeira(7)

ambiente e oceanos(21)

aniversários(19)

artes(6)

autarquias(12)

auto-recriações(24)

autores(7)

bem-estar(11)

blogs(73)

capitalismo(8)

catástrofes(4)

charlatonices(2)

cidadania(14)

ciências(3)

cinema(18)

citações(38)

clima(7)

condomínio(2)

curiosidades(26)

democracia(32)

desemprego(13)

desporto(22)

dilectos comentadores(5)

direitos humanos(11)

direitos liberdades e garantias(39)

e-mail e internet(6)

economia(27)

educação(8)

eleições(14)

emigração(5)

empresas(3)

estados de espírito(60)

europa(2)

eventos(33)

excertos da memória(24)

fascismo(9)

férias(25)

festividades(29)

fotografia(12)

gatos(10)

gestão do blog(15)

gourmet(3)

grandes tentações(11)

hipocrisia(3)

homens(6)

homofobia(17)

humanidade(8)

humor(24)

igualdade(20)

impostos(5)

infância(7)

insónia(6)

int(r)agável(25)

intimismos(38)

ivg(17)

justiça(17)

legislação(17)

lgbt(71)

liberdade de expressão(13)

língua portuguesa(7)

lisboa(27)

livros e literatura(21)

machismo(3)

mau gosto(8)

media(3)

mulheres(17)

música(35)

noite(5)

notícias(22)

óbitos(5)

países estrangeiros(19)

personalidades(9)

pesadelos(5)

petróleo(4)

poesia(9)

política(86)

política internacional(30)

por qué no te callas?(9)

portugal(31)

publicações(6)

publicidade(9)

quizes(8)

redes sociais virtuais(9)

reflexões(58)

religião(19)

saúde(6)

ser-se humano(15)

sexualidade(9)

sinais dos tempos(8)

sociedade(45)

sonhos(6)

televisão(23)

terrorismo(4)

trabalho(20)

transportes(7)

viagens(19)

vícios(13)

vida conjugal(17)

violência(4)

todas as tags

Quem nos cita