Quinta-feira, 20 de Setembro de 2007

Série "Mulher a dias" - 3

00:32h, ontem, ao deitar:

Cosmopolita: "Sabes como é que a gaja faz a cama de lavado?"
Citadina: "Não, por favor!! Não me contes, eu não me posso enervar agora, amanhã tenho que me levantar cedíssimo!"

Buraco tapado por Citadina às 14:05
Link do post | Tapa também
10 comentários:
De Duca a 20 de Setembro de 2007 às 14:32
Lollll

As conversas de alcova são tão giras!

Meia-noite ao deitar.

T- Amanhã tenho de me levantar às 07h30!
Eu- Puxa, tão cedo?
T- Tem de ser ...
Eu- Ok, ponho o despertador para as 07h00 para ficares meia hora a engonhar.
T- Para quê? Não sabes que o cão começa o concerto por vota das 06h30.
Eu- Pois é. Humpf!
De Garamond a 21 de Setembro de 2007 às 10:54
Comooooo mas como é que ela muda os lençois???

Não vão deixar uma pessoa aqui sem saber não???

Irraaa!

Eu ontem mudei os lençois da cama. Pensava que era sexta feira. Nada demais.

Ao fim do dia, (sim... com pontaria mesmo acertei 5 min antes da tempestade começar) fui estender a roupa da máquina que tinha posto a lavar de manhã, dizia eu... abro a maquina e voilá... tinha um conjunto de lençois dobrados e lavados de novo... os sujos ficaram por lavar!

Por isso não encontrei os limpos quando quis fazer a cama de lavado....

Digam-me que não é nada disto!

Mas façam o favor de contar a coisa... não suporto o suspense!

Beijooos

De Cosmopolita a 21 de Setembro de 2007 às 13:25
Cara Garamond, estava a ver que ninguém mo perguntava!

Então é assim:
1º) Tira os lençois da cama, amarrota-os todos em bola e enfia-os no cesto da roupa suja, tendo o cuidado de se certificar que, depois disso, não cabe nem mais um par de meias no cesto;
2º) Deita a colcha e as almofadas para o chão do quarto, tendo o cuidado de não aspirar antes a fim de que estes possam ficar devidamente empoeirados;
3º) Se não tiveres as almofadas, dormes com a cabeça em cima do colchão. Não querida, os lençois são enoooormeeees, mas por razões que ficam entre ela e Deus Nosso Senhor, ela acha que não faz sentido entalar a parte superior do lençol debaixo;
4º) A capa de edredon, por mais que faças força nos pés e a tentes desesperadamente puxar para cima, só te chega ao umbigo...Segundo ela, a menina C não gosta do lençol muito para cima! Não fosse a minha confiança em C, o conhecido ódio de estimação que ela lhe tem e o ar de murcão atoupeirado e retardado da PDMAD, poderia pensar que já tinham dormido juntas...;
5º) Depois entala a colcha lateralmente de tal forma que, quando a puxas para baixo, desmanchas inevitavelmente a cama toda!
Que tal?

Olha lá, mas os teus lençois lavados e dobrados estavam DENTRO da tua máquina da roupa????
Aguardo detalhes com ansiedade!
De Garamond a 21 de Setembro de 2007 às 15:20
hahahahahahha
hahahahhahahahahahhahah

Do melhor! Portanto a menina C é a gande culpada!

hahahahahahhaha

Por isso ela não quis nem saber... hummm

Siiimmm os lençois tavam mesmo la dentro... lavadinhos de novo... não te admires muito... andei 2 horas a procura das chaves da mota... e tavam no frigorifico arrumadas como deve ser na segunda prateleira!

Ando deslumbrada comigo...e com a minha capacidade domestica!

Como é sabado vamos ao karaoke???

Organizem-se! Irrraaaa


Beijooos

Gar
De Cosmopolita a 21 de Setembro de 2007 às 16:40
Não!!! Que maravilha essa tua capacidade para decifrar a tua empregada...

Acho que devias, quanto antes, promover um curso de formação para as senhoras que queiram saber interpretar as empregadas e adivinhar, sem qualquer esforço, onde é que elas põem as coisas. Podes ter a certeza de que terias imenso sucesso!

Sorry, mas sábado temos um jantar de aniversário.

Beijocas
De Duca a 21 de Setembro de 2007 às 15:37
Lolllllllllllllllll

E eu que pensava que a mulher só não atinava com as peças do xadrez depois de limpar o pó!
De Inha a 21 de Setembro de 2007 às 17:39
Cá para mim, até poderia fazer a cama ao contrário...desde que fosse uma gaja (que não eu) a trabalhar...!!
Vá lá, as meninas estão de barriga cheia!! Não se queixem muito, ok????? (senão vou lá buscar a vossa gaja para umas horitas cá na vizinhança!)
Beijos grandes
De sete_sonos a 21 de Setembro de 2007 às 22:04
sei que pode ser desesperante a forma aprimorada como a senhora faz a cama de lavado... mas peço-te encarecidamente... não a despeças!!!...
acredito que tu continues a desesperar... com isso... e com muitas outras coisas que a senhora tão bem faz... mas pelo menos nós temos volta e meia a possibilidade de nos divertirmos com a descrição de tais cenas domésticas!!!
(pode ser egoísmo da nossa parte... mas pensa que é um acto de altruísmo da tua)

um beijo
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

sei que pode ser desesperante a forma aprimorada como a senhora faz a cama de lavado... mas peço-te encarecidamente... não a despeças!!!... <BR>acredito que tu continues a desesperar... com isso... e com muitas outras coisas que a senhora tão bem faz... mas pelo menos nós temos volta e meia a possibilidade de nos divertirmos com a descrição de tais cenas domésticas!!! <BR>(pode ser egoísmo da nossa parte... mas pensa que é um acto de altruísmo da tua) <BR><BR>um beijo <BR class=incorrect name="incorrect" <a>sete_sonos</A>
De sete_sonos a 21 de Setembro de 2007 às 22:08
desculpa... isto ter ficado repetido... acho q não fiz asneira nenhuma... mas se calhar... pois... sofro do mesmo mal da mulher a dias... não vejo onde está o problema... logo não deve ser meu!!!
De Citadina a 24 de Setembro de 2007 às 10:28
Querida Sete Sonos,
Mas que prazer ter-te a dar um ar da tua graça por esta rua esburacada! Long time, no see! Dá notícias um dia destes, vamos beber um café ou assim.
E não, em circunstâncias normais, não a pretendo despedir. Só se me passar mesmo, e isso é difícil... Mas não é impossível :-)
Desde já obrigada pela agradável visita, e espero ver-te por aqui - ou ver-te, simplesmente - mais vezes!
Beijinhos!

Comentar post

Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
25
26
27

Posts por autora

Pesquisa no blog

Subscrever feeds

Outras ruas

Arquivo

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Tags

a vida dos outros(31)

açores e madeira(7)

ambiente e oceanos(21)

aniversários(19)

artes(6)

autarquias(12)

auto-recriações(24)

autores(7)

bem-estar(11)

blogs(73)

capitalismo(8)

catástrofes(4)

charlatonices(2)

cidadania(14)

ciências(3)

cinema(18)

citações(38)

clima(7)

condomínio(2)

curiosidades(26)

democracia(32)

desemprego(13)

desporto(22)

dilectos comentadores(5)

direitos humanos(11)

direitos liberdades e garantias(39)

e-mail e internet(6)

economia(27)

educação(8)

eleições(14)

emigração(5)

empresas(3)

estados de espírito(60)

europa(2)

eventos(33)

excertos da memória(24)

fascismo(9)

férias(25)

festividades(29)

fotografia(12)

gatos(10)

gestão do blog(15)

gourmet(3)

grandes tentações(11)

hipocrisia(3)

homens(6)

homofobia(17)

humanidade(8)

humor(24)

igualdade(20)

impostos(5)

infância(7)

insónia(6)

int(r)agável(25)

intimismos(38)

ivg(17)

justiça(17)

legislação(17)

lgbt(71)

liberdade de expressão(13)

língua portuguesa(7)

lisboa(27)

livros e literatura(21)

machismo(3)

mau gosto(8)

media(3)

mulheres(17)

música(35)

noite(5)

notícias(22)

óbitos(5)

países estrangeiros(19)

personalidades(9)

pesadelos(5)

petróleo(4)

poesia(9)

política(86)

política internacional(30)

por qué no te callas?(9)

portugal(31)

publicações(6)

publicidade(9)

quizes(8)

redes sociais virtuais(9)

reflexões(58)

religião(19)

saúde(6)

ser-se humano(15)

sexualidade(9)

sinais dos tempos(8)

sociedade(45)

sonhos(6)

televisão(23)

terrorismo(4)

trabalho(20)

transportes(7)

viagens(19)

vícios(13)

vida conjugal(17)

violência(4)

todas as tags

Quem nos cita