Quinta-feira, 27 de Setembro de 2007

Terra Nova

Comemoram-se hoje 50 anos sobre a erupção do Vulcão dos Capelinhos, que entrou em actividade em Setembro de 1957 e manteve-se assim até Outubro de 1958.

      

O farol da Ponta dos Capelinhos, que antes se empoleirava no cume da arriba (e se vê, na fotografia da esquerda, no canto inferior direito) passou a estar caricatamente no meio de terra, onde perdeu naturalmente toda a relevância da sua função, como se pode avaliar pela foto da direita.

Hoje há mais cerca de 1 Km quadrado de terra com apenas 50 anos, acoplada à original Ilha do Faial. Nesta terra tão jovem e de aparência estranhíssima ainda não cresce quase vegetação nenhuma, dada a sua esterilidade. Quando lá estive, achei aquilo uma experiência do outro mundo, e se há lugares verdadeiramente especiais em Portugal, o Vulcão dos Capelinhos é com certeza um deles.



Buraco tapado por Citadina às 11:33
Link do post | Tapa também
1 comentário:
De Inha a 27 de Setembro de 2007 às 21:46
Pois vimos um todo telejornal rtp dedicado ao acontecimento e comentámos..ainda vale a pena ver telejornais tão bonitos (a paisagem...) e o relato histórico!!
E já agora..suas cuscas!!!! Então, não entenderam o "de rica filha a...". Obrigada por terem ligado!!! Foram umas queridas, são umas queridas!
Beijos

Comentar post

Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
25
26
27

Posts por autora

Pesquisa no blog

Subscrever feeds

Arquivo

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Tags

a vida dos outros(31)

açores e madeira(7)

ambiente e oceanos(21)

aniversários(19)

artes(6)

autarquias(12)

auto-recriações(24)

autores(7)

bem-estar(11)

blogs(73)

capitalismo(8)

catástrofes(4)

charlatonices(2)

cidadania(14)

ciências(3)

cinema(18)

citações(38)

clima(7)

condomínio(2)

curiosidades(26)

democracia(32)

desemprego(13)

desporto(22)

dilectos comentadores(5)

direitos humanos(11)

direitos liberdades e garantias(39)

e-mail e internet(6)

economia(27)

educação(8)

eleições(14)

emigração(5)

empresas(3)

estados de espírito(60)

europa(2)

eventos(33)

excertos da memória(24)

fascismo(9)

férias(25)

festividades(29)

fotografia(12)

gatos(10)

gestão do blog(15)

gourmet(3)

grandes tentações(11)

hipocrisia(3)

homens(6)

homofobia(17)

humanidade(8)

humor(24)

igualdade(20)

impostos(5)

infância(7)

insónia(6)

int(r)agável(25)

intimismos(38)

ivg(17)

justiça(17)

legislação(17)

lgbt(71)

liberdade de expressão(13)

língua portuguesa(7)

lisboa(27)

livros e literatura(21)

machismo(3)

mau gosto(8)

media(3)

mulheres(17)

música(35)

noite(5)

notícias(22)

óbitos(5)

países estrangeiros(19)

personalidades(9)

pesadelos(5)

petróleo(4)

poesia(9)

política(86)

política internacional(30)

por qué no te callas?(9)

portugal(31)

publicações(6)

publicidade(9)

quizes(8)

redes sociais virtuais(9)

reflexões(58)

religião(19)

saúde(6)

ser-se humano(15)

sexualidade(9)

sinais dos tempos(8)

sociedade(45)

sonhos(6)

televisão(23)

terrorismo(4)

trabalho(20)

transportes(7)

viagens(19)

vícios(13)

vida conjugal(17)

violência(4)

todas as tags

Quem nos cita