Sexta-feira, 25 de Janeiro de 2008

Smoke

A grande novidade deste ano, até ver, em jeito de sinal dos tempos, é mesmo ter deixado de escolher restaurantes com base em critérios de qualidade gastronómica e ter passado a frequentá-los na condição de existir um determinado e reconfortante rótulo azul à porta.
Tenho esperança que me passe este estado de dependência rapidamente - só este específico, que das minhas outras dependências acontece que gosto - mas por enquanto, é assim que tem de ser.

Buraco tapado por Citadina às 10:02
Link do post | Tapa também
5 comentários:
De Cosmopolita a 25 de Janeiro de 2008 às 14:18
Pois... A ver se conseguimos deixar de fumar ainda este ano.

De Duca a 25 de Janeiro de 2008 às 17:42
Minhas queridas amigas,

Há aqui mais uma candidata a ex-fumadora. Poderiamos ajudar-nos mutuamente. O que acham?

Beijos
De sete_sonos a 25 de Janeiro de 2008 às 21:28
boa noite...

afirmo já que, contrariamente às anteriores 'comentadoras', não pretendo de todo deixar de fumar!!... mais que não seja por oura marretice... detesto que me imponham comportamentos por muito salutares que eles possam ser...

e se intervenho é apenas para informar que neste momento já existem sites bastante completos sobre os locais onde se pode comer e fumar ao mesmo tempo... por isso senhora dona citadina faça como eu... antes de sair consulto-os... ehehehehe
um beijo
sete_sonos
De sete_sonos a 25 de Janeiro de 2008 às 21:33
como é óbvio... onde se lê oura... leia-se pura
De Citadina a 28 de Janeiro de 2008 às 11:02
Olá Sete Sonos!
Sempre um prazer ver-te por aqui!
Eu gostava, acima de tudo, de não gostar de fumar... Logo, o meu maior problema é a privação de um imenso prazer - e isso é que é inaceitável !! - até mais que a imposição de comportamentos, com a qual, como é óbvio, também não estou de acordo.
É egoismo puro da minha parte? Talvez. Mas também é uma manifestação de liberdade.
Respeito que a minha liberdade possa acabar onde começam os direitos de outros (não-fumadores) mas não abdico de a exercer até onde me for possível.
Um beijo grande e a ver se tenho o prazer de te ver um dia destes!

Comentar post

Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
25
26
27

Posts por autora

Pesquisa no blog

Subscrever feeds

Outras ruas

Arquivo

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Tags

a vida dos outros(31)

açores e madeira(7)

ambiente e oceanos(21)

aniversários(19)

artes(6)

autarquias(12)

auto-recriações(24)

autores(7)

bem-estar(11)

blogs(73)

capitalismo(8)

catástrofes(4)

charlatonices(2)

cidadania(14)

ciências(3)

cinema(18)

citações(38)

clima(7)

condomínio(2)

curiosidades(26)

democracia(32)

desemprego(13)

desporto(22)

dilectos comentadores(5)

direitos humanos(11)

direitos liberdades e garantias(39)

e-mail e internet(6)

economia(27)

educação(8)

eleições(14)

emigração(5)

empresas(3)

estados de espírito(60)

europa(2)

eventos(33)

excertos da memória(24)

fascismo(9)

férias(25)

festividades(29)

fotografia(12)

gatos(10)

gestão do blog(15)

gourmet(3)

grandes tentações(11)

hipocrisia(3)

homens(6)

homofobia(17)

humanidade(8)

humor(24)

igualdade(20)

impostos(5)

infância(7)

insónia(6)

int(r)agável(25)

intimismos(38)

ivg(17)

justiça(17)

legislação(17)

lgbt(71)

liberdade de expressão(13)

língua portuguesa(7)

lisboa(27)

livros e literatura(21)

machismo(3)

mau gosto(8)

media(3)

mulheres(17)

música(35)

noite(5)

notícias(22)

óbitos(5)

países estrangeiros(19)

personalidades(9)

pesadelos(5)

petróleo(4)

poesia(9)

política(86)

política internacional(30)

por qué no te callas?(9)

portugal(31)

publicações(6)

publicidade(9)

quizes(8)

redes sociais virtuais(9)

reflexões(58)

religião(19)

saúde(6)

ser-se humano(15)

sexualidade(9)

sinais dos tempos(8)

sociedade(45)

sonhos(6)

televisão(23)

terrorismo(4)

trabalho(20)

transportes(7)

viagens(19)

vícios(13)

vida conjugal(17)

violência(4)

todas as tags

Quem nos cita