Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008

Da série Para mais tarde recordar

Contrariando o meu receio expresso aqui, o Presidente em exercício da Câmara Municipal de Lisboa defende um segundo pulmão verde para a cidade. A ver se as boas intenções sobrevivem até à hora da verdade...

"Para o presidente da autarquia lisboeta, quando a Portela for liberta do aeroporto, parte do espaço deve ser transformada num pulmão verde, para garantir que não é utilizada em «especulação urbanística»."





(Imagens descaradamente roubadas ao Viver na Alta de Lisboa).
 
Buraco tapado por Citadina às 12:10
Link do post | Tapa também
2 comentários:
De Cosmopolita a 29 de Fevereiro de 2008 às 13:12
Ah, ah, "espere sentado ou você se cansa"! Sobretudo com este Governo que é o maior representante dos lobbies do cimento...

Se até Monsanto tem sido posto em causa e se a Costa Vicentina foi finalmente atacada, com todos os interesses que existem, duvido que a Portela escape à especulação urbanística!

É uma ilusão pensar-se que estas urbanizações se destinem ao comum dos cidadãos, por isso, acredita que não faltarão compradores...Veja-se o caso do condomínio ao lado do Corte Inglês que já estava todo vendido, mesmo antes de ser publicitado.

Os ricos, cada vez mais ricos, investem e investirão sempre em coisas de luxo: condomínios, carros, joias, obras de arte. Os cada vez mais pobres, que são a maioria da população, esses engrossam o caderno das casas penhoradas pelo Fisco ou pelos Bancos.
De Rita a 3 de Março de 2008 às 14:32
Sim, com sorte dar-nos-ão uma bombinha de asma... E sentirão a doce alegria do dever cumprido!

Comentar post

Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
25
26
27

Posts por autora

Pesquisa no blog

Subscrever feeds

Outras ruas

Arquivo

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Tags

a vida dos outros(31)

açores e madeira(7)

ambiente e oceanos(21)

aniversários(19)

artes(6)

autarquias(12)

auto-recriações(24)

autores(7)

bem-estar(11)

blogs(73)

capitalismo(8)

catástrofes(4)

charlatonices(2)

cidadania(14)

ciências(3)

cinema(18)

citações(38)

clima(7)

condomínio(2)

curiosidades(26)

democracia(32)

desemprego(13)

desporto(22)

dilectos comentadores(5)

direitos humanos(11)

direitos liberdades e garantias(39)

e-mail e internet(6)

economia(27)

educação(8)

eleições(14)

emigração(5)

empresas(3)

estados de espírito(60)

europa(2)

eventos(33)

excertos da memória(24)

fascismo(9)

férias(25)

festividades(29)

fotografia(12)

gatos(10)

gestão do blog(15)

gourmet(3)

grandes tentações(11)

hipocrisia(3)

homens(6)

homofobia(17)

humanidade(8)

humor(24)

igualdade(20)

impostos(5)

infância(7)

insónia(6)

int(r)agável(25)

intimismos(38)

ivg(17)

justiça(17)

legislação(17)

lgbt(71)

liberdade de expressão(13)

língua portuguesa(7)

lisboa(27)

livros e literatura(21)

machismo(3)

mau gosto(8)

media(3)

mulheres(17)

música(35)

noite(5)

notícias(22)

óbitos(5)

países estrangeiros(19)

personalidades(9)

pesadelos(5)

petróleo(4)

poesia(9)

política(86)

política internacional(30)

por qué no te callas?(9)

portugal(31)

publicações(6)

publicidade(9)

quizes(8)

redes sociais virtuais(9)

reflexões(58)

religião(19)

saúde(6)

ser-se humano(15)

sexualidade(9)

sinais dos tempos(8)

sociedade(45)

sonhos(6)

televisão(23)

terrorismo(4)

trabalho(20)

transportes(7)

viagens(19)

vícios(13)

vida conjugal(17)

violência(4)

todas as tags

Quem nos cita