Quarta-feira, 24 de Novembro de 2010

Portugal está a deixar cair a geração mais qualificada de sempre

Nunca houve tantos licenciados em Portugal. E nunca foi tão difícil para os jovens encontrar emprego. As centrais sindicais dizem que a greve geral também é feita em nome desta geração que se pode perder, entre a precariedade e o apelo da emigração. Num cenário de "défice democrático" no mundo laboral, os melhores são os que arriscam sair do país.

Buraco tapado por Citadina às 11:56
Link do post | Tapa também | Ver comentários (2)
Quarta-feira, 13 de Outubro de 2010

Emoção

Buraco tapado por Citadina às 13:00
Link do post | Tapa também | Ver comentários (4)
Sexta-feira, 17 de Julho de 2009

Votar PS? Não me parece.

Ora então vejamos: o Ministério da Saúde é liderado por uma Ministra do PS, certo? PS esse que promete prometer (é que é mesmo assim) viabilizar a igualdade no acesso ao casamento civil na próxima legislatura, não é? Mas já as outras igualdades, ah isso não, que isso é um grupo de gente esquisita e por muito bem comportadinhos que eles digam que são nunca se sabe, porque ser homossexual já é um comportamento de risco. O melhor é manter essa gente o mais afastada possível do nosso sangue.

 

Moral da história: é com políticas reais que se inferem as intenções reais.

Buraco tapado por Citadina às 17:20
Link do post | Tapa também | Ver comentários (4)

E uma farda, não?

Até podia ser o equipamento do Porto, para ser azul e com fibra, não o do campo, mas aquele que eles usam para andar de avião.

Todos iguais, todos irmãozinhos, uma equipa coesa, vencedora, com uma imagem de marca no mercado  e todos esses epítetos que se desejam para uma empresa moderna.

Ou a farda dos Meos, simplesmente, afinal de contas tanto dinheiro investido nessa imagem que podia ser tão melhor capitalizado!

E nada quanto ao corte de cabelo? Isso é que eu acho que está mal, uma pessoa assim não sabe o que há-de fazer e ó se há gente que precisa de orientação nesse aspecto, meu deus!

 

 

Buraco tapado por Citadina às 16:40
Link do post | Tapa também
Quinta-feira, 2 de Julho de 2009

Não notícia

Infelizmente, José Mourinho não chegou ontem a Lisboa ao mesmo tempo que o menino guerreiro dava a sua entrevista televisiva de "I'm back like a nightmare", nem o realizador do noticiário em causa encontrou outro pretexto igualmente relevante para a interromper. Espero que ao menos tenha procurado.

Buraco tapado por Citadina às 12:20
Link do post | Tapa também | Ver comentários (1)
Segunda-feira, 6 de Abril de 2009

Susto ou Juntaram-se os dois à esquina

O susto das sextas-feiras à hora do jantar é o Jornal Nacional da TVI na parte em que, como se já não bastasse a Manuela Moura Guedes com expressões faciais só possíveis a quem meteu parte das nádegas nas bochechas, de olhos abertos para além do limite em que se consegue evitar aterrorizar crianças, conduz uma entrevista a Vasco Pulido Valente num estilo porteirista  (palavra minha, literalmente) que impede, além do acesso à informação credível e isenta, o entrevistado de se concentrar o suficiente para não tremer e balbuciar (tanto) os começos de cada frase.

Este triste espectáculo, tantas vezes repetido, de assustador acaba por passar a simplesmente confrangedor, e esse é o estado em que se encontra agora.

  

 

 

 

Buraco tapado por Citadina às 16:26
Link do post | Tapa também | Ver comentários (6)
Quarta-feira, 25 de Março de 2009

Partidos admitem alargar subsídio de desemprego a quem gere pequenas empresas

Enfim, a luz. Para mim já vem tarde. A dura lição de vida que aprendi há já uns anos deixou feridas que ainda não fecharam, ressentimentos em relação ao sistema e traumas que dificilmente serão ultrapassados.

Quando o meu negócio próprio foi vítima de recessão económica, abuso de posição dominante por parte de muitos clientes e outras injustiças, todas elas alheias à competência e produtividade de quem quer que fosse naquela empresa, pensei seriamente que a minha vida ia acabar.

Como se já não bastasse a frustração e a revolta em termos profissionais, tive de assistir ao drama humano da minha família, que passou a não ter onde cair morta, porque o Estado esteve sempre lá para receber as contribuições para a Segurança Social, mas não para nos ajudar quando precisámos.

Neste momento, todos, sublinho, todos os partidos com assento parlamentar estão de acordo - e que raro isso é! - no que respeita a esta necessidade, a esta medida de justiça inquestionável.

Por mim, faça-se já. Só é pena que, como em tantos outros casos, a legislação falhe e tarde a acertar e sejam necessários tanto sangue, suor e lágrimas para a colocar no bom caminho.

Buraco tapado por Citadina às 13:26
Link do post | Tapa também | Ver comentários (7)
Quarta-feira, 11 de Fevereiro de 2009

INE: assim é que é!

Censos de 2011 vão equiparar uniões de casais homossexuais a núcleos familiares.

Quanto mais não seja, para testar a teoria dos 10%.

Buraco tapado por Citadina às 13:00
Link do post | Tapa também | Ver comentários (6)
Terça-feira, 25 de Novembro de 2008

Teorias muito lindas para quem lhe sobre dinheiro ao fim do mês

Geração dos 30 anos pode perder até 60% da reforma

 

De acordo com a análise elaborada pela Optimize, partindo do pressuposto de uma poupança iniciada em 2008, um esforço de 10 a 29 % do salário é necessário para garantir uma "razoável manutenção do nível de vida [na reforma]".

Às mulheres (que contam com uma esperança média de vida maior) é pedido um esforço superior no momento de poupar, já que o seu rendimento é ainda mais penalizado do que nos homens, devido ao factor da sustentabilidade.

 

Chamem-me pessimista, mas nos dias que correm, com os níveis de salários baixos que se praticam, que percentagem da população com idade à volta dos 30 anos é que tem 10% (já nem digo 30%) do rendimento disponível  - para não mencionar aqueles que nem sequer têm rendimento - para poupar?

Isto soa, além do mais, ao seguinte: se acham vivem mal agora, esperem até serem incapacitados para o trabalho e dependentes da reforma do Estado. Então aí é que vão ver o que é, de facto, viver mal.

E, como não se vislumbram milagres no sistema público de segurança social, deve ser exactamente isso que nos espera.

Porreiro, pá!

 

ADENDA (em 27 de Novembro de 2008):

O contraditório está aqui.

Parece que a empresa responsável por este estudo vende PPRs, não sendo por isso isenta.

Não deixa, no entanto, de ser verdade que a maioria dos portugueses não possui (nem  nada leva a crer que venha a possuir nos anos mais próximos) capacidade  para atingir os níveis de poupança de longo-prazo desejáveis e que, por isso, se afigura um cenário muito desagradável para a "geração dos 30 anos" quando atingir a idade da reforma.

Buraco tapado por Citadina às 17:50
Link do post | Tapa também
Sexta-feira, 21 de Novembro de 2008

São umas vítimas

Ele e o Vale de Azevedo. Homens sérios, muito sérios e honestos, tramados pela Justiça que, como se sabe, é muito injusta para gente de bem como estes senhores que são umas vítimas do sistema, repito, uns bodes expiatórios, coitadinhos, vou chorar.

Buraco tapado por Citadina às 10:57
Link do post | Tapa também | Ver comentários (2)

O prenúncio do caos em Lisboa

Alegrem-se, desta vez ainda não é a sério.

Buraco tapado por Citadina às 10:28
Link do post | Tapa também
Sexta-feira, 7 de Novembro de 2008

Uma espécie de Gato Fedorento todos os dias, num telejornal perto de si

 

 

A República das Bananas que é a Região Autónoma da Madeira seria uma séria fonte de inspiração para Kafka.

Apanhei-me ontem a rir a bandeiras despregadas com um noticiário da SIC Notícias, pensando que estavam a contar uma boa anedota como caricatura do "regime político" vigente na Madeira. Mas visto que o comentador estava com um ar cada vez mais estupefacto, acabei por perceber que aquilo tinha mesmo acontecido.

O deputado do PND José Manuel Coelho, na sua intervenção numa sessão da Assembleia Legislativa da Madeira, mostrou uma bandeira nazi para, segundo afirmou, oferecer aos "fascistas do PSD e ao seu líder parlamentar, Jaime Ramos", pretendendo ilustrar desta forma a postura de ilegalidade fascista dos sociais democratas desde que governam a Região. Na sequência deste seu acto a sessão foi suspensa e, no dia seguinte, José Manuel Coelho foi impedido por seguranças privados da empresa "Securitas" de entrar no edifício da Assembleia Legislativa da Madeira para participar na sessão plenária como deputado.

Ou seja, um trabalhador, neste caso um deputado com direito a imunidade parlamentar, por ter exercido a sua liberdade de expressão, foi impedido de aceder ao seu local de trabalho, o que é mais que ilegal!

Mas há mais. O PSD da Madeira submeteu um requerimento ilegal de suspensão das próximas sessões plenárias do parlamento madeirense, colocou-o a votação e fez cumprir este requerimento, baseado apenas na aprovação dos deputados sociais democratas, até decisão judicial da queixa-crime apresentada por eles contra o deputado José Manuel Coelho.

Ou seja, unilateralmente, o PSD da Madeira encerrou ilegal e inconstitucionalmente a Assembleia Legislativa da Madeira, remetendo a sua abertura lá para as calendas gregas após a decisão judicial sobre esta queixa!

Monteiro Diniz, representante da República na Madeira, mostra-se muito preocupado "pelo facto destas divergências transmitirem da Madeira a imagem de uma terra onde não há lei, regras, nem princípios", o que, segundo ele, "não é verdade"...

Não! Jura! A sério?! Afinal isto não é um sketch do Gato Fedorento?!

É que não sendo, a mim parece-me que o deputado do PND sempre tinha alguma razão ao mostrar a bandeira nazi!

E o Presidente da República, não tem nada a dizer sobre isto?

 

Buraco tapado por Cosmopolita às 14:44
Link do post | Tapa também | Ver comentários (2)
Quarta-feira, 24 de Setembro de 2008

Estão a ver a chalaça?!

Não acham giro este argumento de que os partidos na oposição devem ser muito bem comportadinhos e subservientes às maiorias absolutas, só votando projectos de lei e debatendo assuntos "fracturantes" no Parlamento quando as tais maiorias acharem que é oportuno, porque senão são acusados de oportunismo político? Não é fixe?!

Buraco tapado por Citadina às 12:28
Link do post | Tapa também | Ver comentários (2)
Sexta-feira, 4 de Julho de 2008

Da série Apertar o cinto não é para todos

A empresa Águas de Portugal, atestadamente numa situação económico-financeira débil, tem andado a delapidar o erário público em carrões e prémios de incentivo aos gestores, atribuidos de forma pouco transparente.

É o que se conclui ao ler o Relatório de Auditoria do Tribunal de Contas.

Na semana em que José Sócrates falou em ânimo para enfrentar a crise, em contenção e em "evitar fazer asneiras" numa entrevista dada à RTP, este relatório vem provar aquilo que já era evidente há muito tempo: apertar o cinto não é para todos, e certamente não é para os boys on the jobs.

Eu por mim já só que queria que as pessoas se lembrassem destas coisas na hora de ir votar, que se lembrassem!

Buraco tapado por Citadina às 10:17
Link do post | Tapa também | Ver comentários (2)
Sexta-feira, 29 de Fevereiro de 2008

Da série Para mais tarde recordar

Contrariando o meu receio expresso aqui, o Presidente em exercício da Câmara Municipal de Lisboa defende um segundo pulmão verde para a cidade. A ver se as boas intenções sobrevivem até à hora da verdade...

"Para o presidente da autarquia lisboeta, quando a Portela for liberta do aeroporto, parte do espaço deve ser transformada num pulmão verde, para garantir que não é utilizada em «especulação urbanística»."





(Imagens descaradamente roubadas ao Viver na Alta de Lisboa).
 
Buraco tapado por Citadina às 12:10
Link do post | Tapa também | Ver comentários (2)
Quinta-feira, 10 de Janeiro de 2008

Alcochete jamé

Ê vualá, não é só o Primeiro Ministro que não cumpre com a palavra dada.

Galicismos invertidos inspirados pela minha mana, que acaba de proferir a seguinte afirmação: "O Mário Lino mata o tédio dos meus dias."
Ah, e pelo Gato Fedorento, claro, os pioneiros desta ideia.

Buraco tapado por Citadina às 15:54
Link do post | Tapa também | Ver comentários (2)
Sexta-feira, 27 de Julho de 2007

Sou só eu que acho?

Ligo a televisão. Procuro os noticiários portugueses. E lá estão, invariavelmente. Sejam as negociatas no futebol, as redes de pedofilia, as conspirações políticas, os compadrios da finança, as guerras sanguinárias pelo domínio do petróleo disfarçadas de cruzadas pela democracia, um aeroporto virtual que aparece e desaparece nos locais mais estranhos, uma monarquia parlamentar disfarçada de região autónoma de uma (so called) "república", os polícias feios, porcos e maus, os bandidos nos seus fatos Armani ...

Sou só eu que acho que os noticiários portugueses se assemelham demasiado a um episódio dos X-Files ?

Buraco tapado por Cosmopolita às 12:37
Link do post | Tapa também | Ver comentários (4)
Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2007

Uma questão de perspectiva #2

O jornal gratuito Metro anuncia na sua edição de hoje, referindo-se à Lesboa Party de amanhã, que o "Instituto Superior de Agronomia recebe festa gay friendly" (se não é exactamente isto, o essencial está aqui).

De facto, é óbvio (também) por aí que as mentalidades ainda não estão preparadas para assimilar a seguinte realidade: isto não é tudo vosso! A Lesboa Party não é "gay friendly"; é uma festa LGBT (lésbica, gay, bissexual e transgender) que é hetero friendly. Entenderam a "subtil" diferença? Então agora vão lá e divirtam-se.

Buraco tapado por Citadina às 10:22
Link do post | Tapa também | Ver comentários (1)
Quarta-feira, 24 de Janeiro de 2007

Que irritação!!! (ou O Lado Negro da Força)

 
  
Fico irritadíssima quando vejo a forma como são veiculadas as notícias (entrevistas, debates, etc.) em Portugal!
 
Que raio, o que está em discussão no referendo de dia 11 de Fevereiro é, em linguagem corrente, o seguinte: “Concorda ou não que as mulheres que fazem um aborto por opção, sem ser nas condições previstas pela lei vigente, não devem incorrer numa pena de prisão até 3 anos, nem devem ser punidas por lei de forma nenhuma?” Se concorda, vote SIM; se não concorda, é porque é pró-prisão! É fácil e claro!
 
Mas não, a padralhada lá está toda, como abutres ou predadores atraídos pelo cheiro a sangue, a clamar pelo direito à vida dos fetos, contra as assassinas das mães! É caso para dizer “Brada aos Céus”!!!
 
Eles que representam uma igreja que é contra o uso de QUALQUER contraceptivo, seja ele qual for, vêm impor às mulheres que param quer queiram quer não, sob pena de arderem nos fogos do inferno quando morrerem, enquanto acautelam, por via das dúvidas de nada existir para além da morte, que estas sejam julgadas e punidas em vida com a prisão e a infâmia! Ai se eles pudessem voltar aos tempos da Inquisição!!!
 
Eles que apregoam que o poder político não deve tomar partido, o que fazem eles senão isso? E se o Vaticano é um Estado, uma tomada de posição desta corja o que é senão uma tomada política de posição?
 
Como diria o meu avô materno “Quem fala assim das mulheres, não é filho de nenhuma, é filho de burra”!!! Irra!!!!
Buraco tapado por Cosmopolita às 12:37
Link do post | Tapa também
Sexta-feira, 12 de Janeiro de 2007

Afinal era só o argumento de uma telenovela mexicana - ou: como fabricar uma notícia

Para não andarmos aí a acreditar na primeira coisa que se diz.

E assim lá ia, a credibilidade, o profissionalismo, a lucidez de uma pessoa, só de uma penada.

E o mais assustador é que a primeira versão do acontecido foi veiculada pela ORGANIZAÇÃO do Dakar, uma fonte supostamente credível, que posteriormente retirou toda a informação falsa do site.

Frightening, I tell you.

Buraco tapado por Citadina às 16:49
Link do post | Tapa também

Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
25
26
27

Posts por autora

Pesquisa no blog

Subscrever feeds

Outras ruas

Arquivo

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Tags

a vida dos outros(31)

açores e madeira(7)

ambiente e oceanos(21)

aniversários(19)

artes(6)

autarquias(12)

auto-recriações(24)

autores(7)

bem-estar(11)

blogs(73)

capitalismo(8)

catástrofes(4)

charlatonices(2)

cidadania(14)

ciências(3)

cinema(18)

citações(38)

clima(7)

condomínio(2)

curiosidades(26)

democracia(32)

desemprego(13)

desporto(22)

dilectos comentadores(5)

direitos humanos(11)

direitos liberdades e garantias(39)

e-mail e internet(6)

economia(27)

educação(8)

eleições(14)

emigração(5)

empresas(3)

estados de espírito(60)

europa(2)

eventos(33)

excertos da memória(24)

fascismo(9)

férias(25)

festividades(29)

fotografia(12)

gatos(10)

gestão do blog(15)

gourmet(3)

grandes tentações(11)

hipocrisia(3)

homens(6)

homofobia(17)

humanidade(8)

humor(24)

igualdade(20)

impostos(5)

infância(7)

insónia(6)

int(r)agável(25)

intimismos(38)

ivg(17)

justiça(17)

legislação(17)

lgbt(71)

liberdade de expressão(13)

língua portuguesa(7)

lisboa(27)

livros e literatura(21)

machismo(3)

mau gosto(8)

media(3)

mulheres(17)

música(35)

noite(5)

notícias(22)

óbitos(5)

países estrangeiros(19)

personalidades(9)

pesadelos(5)

petróleo(4)

poesia(9)

política(86)

política internacional(30)

por qué no te callas?(9)

portugal(31)

publicações(6)

publicidade(9)

quizes(8)

redes sociais virtuais(9)

reflexões(58)

religião(19)

saúde(6)

ser-se humano(15)

sexualidade(9)

sinais dos tempos(8)

sociedade(45)

sonhos(6)

televisão(23)

terrorismo(4)

trabalho(20)

transportes(7)

viagens(19)

vícios(13)

vida conjugal(17)

violência(4)

todas as tags

Contadores

Quem nos cita