Quarta-feira, 21 de Fevereiro de 2007

Não insistam

Por mais actual que seja o tema, eu não vou escrever aqui nenhum post sobre o concurso da RTP1 "Os Grandes Portugueses".
E nem é pela óbvia cretinice do formato e non-sense do outcome, não. Aliás, eu confesso desde já que até estive tentada, durante cerca de meio segundo, a votar no top ten, mas depois mudei de ideias porque eles foram, cada um à sua maneira, todos grandes, inclusive Salazar, que foi um grande filho da puta, portanto, achei um bocado injusto estar assim a destacar um só em detrimento dos outros.
Mas em compensação, disponho-me já aqui e agora a lançar e gerir online o concurso BITT (melhor combinação de Beleza, Inteligência e Talento entre gente Tuga), mas neste concurso só vale votar em gente viva senão lá se desvirtua a qualidade "B" logo à partida.
Além disso, apesar de poderem votar em quem quiserem (vivo), essa pessoa - não, o tigre bebé do Jardim Zoológico não vale - tem de ser portuguesa e assim que se atingir o top ten, o concurso pára e ganham os dez.
O período de votação é... até eu dizer que acabou (mas depois, se pedirem muito, até posso considerar uma série 2, e até 3 ou 4, mas nunca em tão grande número como as dos "Morangos com Açucar".
O prémio é... ah, espera aí... ora aí está uma subtileza do concurso da RTP1 que eu ainda não tinha valorizado: é um concurso sem prémio para o vencedor, não é? Pois, faz sentido, uma vez que o galardoado provavelmente se iria, digamos, baldar à cerimónia de entrega. E não ficava bem.
Só espero que a abstenção nesta votação não seja tão grande como no último referendo, até porque essa votação não envolvia gajas(os) nu(a)s e esta pode ter!!!
Mas só se também forem espertos(as).

Buraco tapado por Citadina às 10:31
Link do post | Tapa também
17 comentários:
De nnannarella a 22 de Fevereiro de 2007 às 20:37
_____________________

Private joke ou não... sabes como os comprimidinhos me... me ... ok... me emocionam! Também tive saudades, mas não pôde ser ... Minha mãe não dorme enquanto eu não chêgá.

Pois é bem verdade, somos praticamente vizinhas. Liga-me quando quiseres para o café, ou para umas imperiais no tasco. Eu pago e ando dum lado para o outro só para ti. Pode ser que votes em mim...


ih ih
De Citadina a 23 de Fevereiro de 2007 às 18:04
Assim farei! (logo que me passe a gripe).
E sim, de facto prefiro as imperiais ao café ;-)
Beijos!

Comentar post

Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
25
26
27

Posts por autora

Pesquisa no blog

Subscrever feeds

Arquivo

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Tags

a vida dos outros(31)

açores e madeira(7)

ambiente e oceanos(21)

aniversários(19)

artes(6)

autarquias(12)

auto-recriações(24)

autores(7)

bem-estar(11)

blogs(73)

capitalismo(8)

catástrofes(4)

charlatonices(2)

cidadania(14)

ciências(3)

cinema(18)

citações(38)

clima(7)

condomínio(2)

curiosidades(26)

democracia(32)

desemprego(13)

desporto(22)

dilectos comentadores(5)

direitos humanos(11)

direitos liberdades e garantias(39)

e-mail e internet(6)

economia(27)

educação(8)

eleições(14)

emigração(5)

empresas(3)

estados de espírito(60)

europa(2)

eventos(33)

excertos da memória(24)

fascismo(9)

férias(25)

festividades(29)

fotografia(12)

gatos(10)

gestão do blog(15)

gourmet(3)

grandes tentações(11)

hipocrisia(3)

homens(6)

homofobia(17)

humanidade(8)

humor(24)

igualdade(20)

impostos(5)

infância(7)

insónia(6)

int(r)agável(25)

intimismos(38)

ivg(17)

justiça(17)

legislação(17)

lgbt(71)

liberdade de expressão(13)

língua portuguesa(7)

lisboa(27)

livros e literatura(21)

machismo(3)

mau gosto(8)

media(3)

mulheres(17)

música(35)

noite(5)

notícias(22)

óbitos(5)

países estrangeiros(19)

personalidades(9)

pesadelos(5)

petróleo(4)

poesia(9)

política(86)

política internacional(30)

por qué no te callas?(9)

portugal(31)

publicações(6)

publicidade(9)

quizes(8)

redes sociais virtuais(9)

reflexões(58)

religião(19)

saúde(6)

ser-se humano(15)

sexualidade(9)

sinais dos tempos(8)

sociedade(45)

sonhos(6)

televisão(23)

terrorismo(4)

trabalho(20)

transportes(7)

viagens(19)

vícios(13)

vida conjugal(17)

violência(4)

todas as tags

Quem nos cita